quarta-feira, 13 de maio de 2015

A princesa e o conto - um Conto de fadas contemporâneo!









Era uma vez uma princesa linda, linda, linda, mas muito chata e triste.


Ela era a única princesa que não tinha um conto, pelo simples fato dela não ter se casado. 

Certo dia, a princesa ouve na sua varanda, uma linda canção. 

Ela foi correndo ver o que era, ela abre a cortina e vê um príncipe. 

Claro que a princesa ficou curiosa para ver se era o príncipe que faria ela ter um conto nos livros contadores. 

De repente, o príncipe, sem menos, nem mais, lhe ofereceu uma rosa e disse: - Olá, princesa! Quer se casar comigo? 

Naquele mundo, todos os príncipes tinham que pedir as princesas em casamento daquele jeito. 

A princesa foi imediatamente chamar seus pais, o rei Filaberto e a rainha Coronia. 

Foi só a princesa contar que queria se casar, que o rei e a rainha começaram a escrever os convites: "Queridos súditos, temos o prazer de convidá-los para o casamento da princesa Vanessa Limborque Dimina Canlada da Silva, com o príncipe que nós não sabemos o nome." 

Tarde da noite, a princesa foi falar com a sua mãe e perguntou: - O que eu ganho com um conto? - Você ganha um "felizes para sempre"

- Só? 

- Sim, e depois você tem que nunca falar 'não' pra nada, nem que seja para comer escaravelhos. 

- Eu vou ter que comer besouros? 

- Se o seu príncipe quiser... - Eu terei que fazer tudo o que ele bem entender e quiser que eu faça? 

- Vai.

- Então, pode ir rasgando todos os convites. Eu não caso nem à pau!!! De manhã, a princesa disse para o príncipe que ela não queria casar. 

Então, o príncipe foi embora. 

Depois de 8 anos, a princesa conheceu um cozinheiro e acabou se casando com ele, e como ele não era príncipe, ele não podia mandar na vida dela, nem ela na dele. 

Eles tiveram dois lindos filhos e duas lindas filhas. 

Aí ela percebeu que não tinha que se casar com um príncipe para ser feliz pra sempre.


Clara Nori Bonon
10 anos

* Desenho e texto reproduzido exatamente como foi escrito e idealizado pela Autora 

11 comentários:

  1. Essa menina leva jeito! Que originalidade! Adorei.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E bota jeito nisso! Não dava para deixar esse texto sem um post no nosso blog!
      Vou contar à ela sobre os elogios!
      Deinha

      Excluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Clara é absolutamente vanguarda! Amei o texto dela.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E tem como não amar?
      Foi exatamente por esse motivo que o texto veio pra cá!
      A Clara leva muito jeito.
      Beijos, Ana
      Deinha

      Excluir
  4. Deia quem é a Clara a autora do texto...leva jeito a menina.bravo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Clara é uma amiguinha da escola da Gabi. O texto saiu no informativo da escola e não pudemos deixar de publicá-lo aqui!
      Beijos,
      Deinha

      Excluir
  5. Adorei! Fantástico! Parabéns para a Clarinha e para quem percebeu as sutilezas da vida nas palavras de uma criança! Muito bom!!!!! 😚

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Demais, não Anamaria?
      Temos que incentivar essas crianças!
      Beijos,
      Deinha

      Excluir
  6. Lindo texto! Que visão da Clarinha!!!

    ResponderExcluir
  7. Difícil acreditar que ela só tem 10 anos, não é?
    Bj,
    Andréa

    ResponderExcluir